Passarinho.JPG

A Fazenda Morim

A Fazenda Morim com 1129 hectares está localizada no Município de São José da Coroa Grande, na mata sul do estado de Pernambuco, Brasil. É uma propriedade histórica, fundada no século XVIII pela baronesa de Gindahy, que a época, desenvolvia atividade de plantio de cana de açúcar, conforme registro histórico na FIAM. Ainda segundo o estudo citado, em 17 de março de 1900, Estácio de Albuquerque Coimbra adquiriu a propriedade sendo palco de importantes reuniões políticas, uma vez que foi governador de Pernambuco por 2 vezes e vice-presidente da república. Gilberto Freire em sua obra Casa Grande & Senzala relata em sua pesquisa fatos e costumes ocorridos no referido engenho, uma vez que ele foi um dos principais amigos de Estácio Coimbra (ver histórico). Os atuais proprietários iniciaram em 2003 a recuperação de todas as instalações físicas com destaque para a Casa Grande , restaurada com fidelidade aos detalhes da época, o estábulo e as demais edificações do local. Resta a capela a ser recurperada (ver fotos). Na propriedade atualmente se desenvolve a criação de Nelore. Existe ainda área com seringueiras e palmeiras imperiais. A fazenda Morim possui aproximadamente 600 hectares coberta por mata atlântica preservada, possuindo 29 nascentes de água sendo ainda cortado pelo rio que tem o nome da propriedade, o que propicia um condição ideal  para existência de diversas espécies da fauna e da flora Brasileira, o que se constata nos recentes levantamentos feitos pelos biólogos do conceituado Centro de Pesquisa do Nordeste (ver estudos CEPAN).   

Os atuais proprietários estão realizando estudos de viabilidade de empreendimentos eco turísticos em parceria com empresas e  investidores interessados no ramo. (aos interessados)

 

The Fazenda Morim

The Fazenda Morim ( Morim Farm ) with 1129 ha is placed in the city of São Jose da Coroa Grande, on the Pernambuco south florest, Brazil. It is a historic property, founded on XVIII century by the baroness of Gindahy, which on that time, developed the activity of planting of sugar cane, as a historic recorded by FIAM. Yet the study cited, on march 17ª of 1900, Estácio de Albuquerque Coimbra acquired the property, being the scene of important political meetings, since he was the governor of Pernambuco for 2 times and Vice President of the republic. Gilberto Freire in his work Casa Grande & Senzala related in your search facts and custumes occurred in that Engenho ( mill ), since he was one of Estácio Coimbra best friends ( see historic ). Both corrent owners start on 2003 a restored of all buildings especially the Great House, restored with fidelity to the details of that time, the stable and the others buildings. Still the chapel to be restores ( see pictures ). currently on the property is developed the creation of Murad buffalo, sheep, pigs and cow milk. There is also an area with trees and royal palms. The Fazenda Morim ( Morim Farm ) has more than 50% of its area covered by Atlantic preserved forest, having 29 water sources have been cut by the river that bears the name of the property, which provides an ideal condition for the existence of several species of brazilian fauna e flora ( birds and trees ), what can be seen in recent studies conducted by biologists of the renowned Research Center of Northeast ( see CEPAN studies ). The current owners are carrying out feasibility studies for eco tourism projects in partnership with companies and investors interested in the business. ( for interested )